0

New York: Empire State Of Mind

Oi, lindonas e lindões!! O post de hoje é um diário de viagem que vai contar minha experiência em New York em Abril/14. Essa cidade é mágica, principalmente pra quem curte falar com pessoas nas ruas, comer gordices e programas culturais. Fui lá há exatamente 1 ano e a saudade e vontade de quero mais são indescritíveis!

Começo o post logo com uma dica: Vá para New York em Abril ou Maio. Os dias são muito mais gostosos, pois a temperatura não é tão fria quanto em Janeiro e Fevereiro nem tão quente quanto nas férias de Julho (e os preços são bem mais baixos também, já que não se trata de alta estação).

Eu nunca tinha viajado para os EUA e, confesso, tinha até um certo receio – o Visto não garante a sua entrada. A qualquer momento, as autoridades podem desconfiar de você ou da sua bagagem e te mandar de voltar para o Brasil – mas eu não tive nenhum problema nem na ida nem na volta.

Ficamos num hotel maravilhoso, pertinho da Times Square e a primeira coisa que fizemos ao chegar foi, óbvio, dar um pulo lá!

No caminho, uma surpresinha…

DSCN2980

Na 42nd com a 8th, encontrei o Cake Boss Cafe. Pra quem não sabe… EU SOU LOUCA PELO CAKE BOSS!! Não perco um programa, meu bolo de casamento TEM que ser feito pelo Buddy hahahaha e eu já sabia de antemão que seria complicado ir a Hoboken, em New Jersey (relativamente perto de New York) experimentar as delícias açucaradas da Carlos Bakery, então imaginem a minha felicidade quando vi que tinha um Cake Boss Cafe a 5 minutos do meu hotel?

DSCN2984

Agora tenho uma foto com o Buddy :DDD (da próxima eu tento achar o Buddy de verdade hahaha)

DSCN3046

Estávamos procurando a TKTS (uma empresa que vende ingressos mais baratos para espetáculos na Broadway) e descobrimos que aquelas escadas vermelhas que sempre aparecem nos filmes, na verdade são o quiosque da TKTS. Aproveitamos pra tirar a clássica foto lá com direito a esse photobomb!

DSCN3026

Na própria Times Square tem várias lojas. As mais pedidas são: Forever21, Sephora, Hollister. Entrei nelas praticamente todos os dias da viagem pra comprar uma coisinha a mais. Essa foto na Forever foi bem no dia em que a filial brasileira inaugurou, entrei só pra tirar uma onda hahaha

DSCN3060

Além das lojas de departamento e roupas, também tinha essa loja fofona dos MM’s. Voltei a ser criança e saí alguns quilos mais gorda de lá: é um paraíso de cores e sabores 😀

dica super útil: Compre o New York City Pass

Com esse passe, você pode visitar o Empire State Building, o American Museum Of Natural History, o Metropolitan Museum Of Art, o Top Of The Rock ou o Guggenheim, a Estátua da Liberdade & Ellis Island ou o Circle Line Cruise (essas últimas atrações são alternativas mesmo, ou uma ou a outra). Vale muito à pena, considerando que o preço é  US$ 114 (entre no site, pois o preço pode variar): um valor bem inferior ao de todas essas atrações somadas.

Embora você tenha que parar mais US$15 para ir até o último andar do Empire State (vale a pena, gente, a vista é incrível e o passe inclui duas visitas: uma diurna e outra noturna no mesmo dia) esse passe te faz evitar as filas (você só entra uma vez para comprá-lo ou pegar o que você já tinha comprado no site. PS: NÃO FAÇA ISSO NO EMPIRE STATE. AS FILAS SÃO GIGANTES)

Não confunda o New York City Pass com o New York Pass.

Esse passe eu já não recomendo tanto, pois ele custa US$ 85 por um dia ou US$200 por uma semana e te permite ver 80 (isso mesmo, oitenta) atrações. Quem já viajou para qualquer cidade turística sabe que não dá tempo de ver tantas atrações assim. Além disso, você não pula as filas, porque precisa passar em todos os guichês e mostrar os vouchers do passe (é como se você comprasse sempre um ingresso “grátis”), o que te faz perder ainda mais tempo. Então, recomendo optar pelo New York City Pass.

Outra dica: Compre o MetroCard.

Comprei o de 7 dias por US$31 e não me arrependi. Você pode usá-lo quantas vezes quiser nesses 7 dias e só entra na fila uma vez. Como fiquei 15 dias, comprei dois.

Empire State Building

DSCN3090

Empire State visto do chão. Impressionantemente gigante! hahaha

DSCN3112

Fiquei muito desapontada quando entrei no elevador e não achei o botão do 600º andar que leva ao Olimpo :/ (quem já leu Percy Jackson e o Ladrão de Raios sabe do que eu tô falando hahaha)

DSCN3157

Vista do último andar do Empire State. Aquele prédio magnífico com o telhado mais lindo do universo é o Chrysler. Sou apaixonada por ele desde esse dia x3

DSCN3163

Com um super zoom dá pra ver até a Estátua da Liberdade lá do alto!

DSCN3222

Uma foto meio psicodélica da vista noturna hahaha

DSCN3231

A maioria dos edifícios ilumina seus telhados a noite. É lindo de viver (:

Perceberam que eu fiquei encantada pelo Empire State, né? Passei a viagem todinha ouvindo Empire State Of Mind, da Alicia Keys. Mas, teve um outro lugar que me encantou muito…

Estátua da Liberdade

DSCN3364

A Estátua da Liberdade é incrível, vê-la de pertinho então… Inenarrável!

DSCN3296

DSCN3337Skyline de New York visto da Liberty Island… e eu embelezando a foto hahaha

Ellis Island

DSCN3331

Museu da Imigração, na Ellis Island. Acima, vista do barco. Abaixo, o hall principal.

A Ellis Island era a primeira parada dos navios que vinham dos mais diversos locais cheios de imigrantes com o desejo de viver o sonho americano. Ali, entre 1892 e 1954 funcionou o mais movimentado posto de inspeção dos EUA. 12 milhões de imigrantes passaram por ali durante este período. No museu, é possível acessar as listas contendo os nomes dos imigrantes e se emocionar com as histórias de reencontros de famílias. 

DSCN3375

Outro lugar que eu amei (pera aí, eu amei New York inteira, das ruas cheias de charme a todas as pessoas com quem conversei) foi o parque mais famoso do mundo:

Central Park

Fomos para NYC na primavera, então durante o dia dava para ficar de blusinha e calça, mas à noite precisamos usar casacos. Aliás, lá é assim: começou Abril, não importa o frio que faça, os aquecedores são todos desligados e as mocinhas começam a sair de saia e top pelas ruas hahaha. No dia em que visitamos o Central Park, a temperatura estava super agradável, felizmente!

DSCN3809Eu com cara de sono hahahha e essas cerejeiras maravilhosas x3

DSCN3828

Não se iludam: Não dá pra andar o Central Park de cabo a rabo (aliás, mais um motivo pra eu ir lá de novo hahaha). Fomos lá dois dias e mesmo assim ainda faltou ver vários pontos interessantes. Nesse mesmo dia, fomos ao Natural History Museum, aquele mesmo de Uma Noite No Museu.

Natural History Museum

DSCN3758

Meu pai simpático posando pra foto sqn HAHAHAH

DSCN3797

Eu já trabalhei no Museu Nacional, que fica no Rio de Janeiro. A comparação é inevitável: os maiores dinossauros (e qualquer outro animal pré-histórico) estão aqui. É incrível, eles são gigantes e alguns tem ossadas quase completamente intactas (a maior parte é réplica, para preservar). Quem curte não quer ir embora de lá, e quem não gostava de museu, percebe que não tem como não se surpreender com cada peça por lá.

 Metropolitan Museum Of Art

Esse museu eu conheci com Friends (quem nunca? hahaha) naquele episódio em que o Joey grava todas as alas do museu para conquistar uma mulher super cult (ensinado pelo Ross) mas acaba virando para o lado errado e falando as descrições certas sobre as peças erradas hahahaha enfim, o Met me lembra muito o British Museum, outro que está no meu coração x3.

DSCN3455Detalhe de sarcófago na parte egípcia do museu.

DSCN3465Templo de Dendur e eu turistando 😀

Bryant Park

Esse parque fofíssimo ficava pertinho do nosso hotel. Nele, fica a New York Public Library: a maior biblioteca que eu já vi. Fiquei morrendo de vontade de morar na cidade para fazer um cartão e ir estudar e ler naquela maravilha literária todos os dias…

DSCN3603Curtindo um solzinho no Bryant Park depois do brunch

DSCN3613Fachada da New York Public Library

MoMa

Esse dia foi longo… Depois de conferirmos a NYPL, fomos ao Museum Of Modern Art, o famosíssimo MoMa e eu vi algumas das obras de arte mais famosas do mundo :DD

DSCN3655

“Fulang-chang e eu”, de Frida Kahlo

DSCN3668

“A Noite Estrelada”, de Van Gogh. Esse quadro aqui e eu temos uma história longa hahahha em 2013 eu fui para a Holanda e esperava encontrá-lo no Museu Van Gogh, que estava fechado para obras e teve seu acervo transferido para o Rijksmuseum. Lá fui eu toda animada conferir este quadro belíssimo e… Descubro que ele estava no MoMa. Depois dessa, virou questão de honra conferí-lo de perto e, finalmente, consegui fazê-lo. Ele é menor do que eu pensava, mas ainda mais belo, perfeito e preciso do que em qualquer foto.

DSCN3671

“La Danse”, de Matisse. Outro quadro que eu adoro e sempre quis ver pessoalmente, pois desde pequena, ao ir ao Jardim Botânico via a escultura que é uma releitura desse quadro e me perguntava como seria o original.

Por último, mas não menos importante…

Breakfast at tiffany’s

DSCN3700

Tive que dar um pulo no cenário de um dos meus filmes favoritos, Bonequinha de Luxo. Faltou o café da manhã, mas isso é mais um motivo para eu voltar a essa cidade encantadora e fazer tudo de novo (além de fazer coisas que eu ainda não fiz, claro).

Isso foi um pouquinho (imagina se eu falasse de tudo? O post ia ficar imenso!) da minha viagem a New York. Espero que tenham gostado e possam aproveitar as dicas para quando forem lá também! Já foram? Dêem dicas nos comentários, elas sempre podem ser úteis para o futuro! Amei a cidade e com certeza quero voltar lá em breve.

Um grande beijo para vocês e até o próximo post :**